Acrílico: O material presente nas suas roupas

Você já percebeu que provavelmente grande parte das suas roupas não é feita com materiais naturais como lã de ovelha, alpaca ou até mesmo algodão? Na verdade, grande parte delas contém acrílico ou poliéster. Hoje conheceremos um pouco mais do tecido produzido através de fibras de acrílico e os processos que envolvem a sua manufatura.

tipos-de-tecido

O acrílico, ou polimetil-metecrilato (PMMA), possui propriedades muito parecidas com a lã, por isso não muito depois que foi criado em 1893 e introduzido no mercado americano pela DuPont, ele se tornou muito utilizado na produção de suéteres, cobertores e em roupas em geral. Como vantagem, o acrílico é mais barato, é leve, possui boa resiliência, possui excelente resistência a luz do sol e não depende de fatores naturais para ser vendido para os consumidores. Já como desvantagem, ele é sujeito ao alongamento, podendo deformar, pode descolorir quando exposto ao calor extremo e como sabemos, como a maioria dos plásticos, ele possui difícil reciclagem.

Existem dois tipos de processo para fabricar fibras de acrílico, o mais comum é chamado de wet and dry spinning. Como podemos ver na imagem abaixo, a primeira etapa é obter o propileno do petróleo e fazê-lo reagir com a amônia para formar a acrilonitrila. Após ocorrer a copolimerização, mistura de dois ou mais monômeros para formar o copolímero de acrílico, ele é dissolvido em um solvente, então ocorre o spinning seco (dry) ou molhado (wet). Esse processo é típico da fabricação de fibras poliméricas e é uma forma de extrusão que forma filamentos contínuos.

Captura de Tela 2016-08-23 às 18.37.17

Depois as fibras passam por um tratamento térmico e podem passar pela bobinagem (winding) ou crimpagem (crimping).

O vídeo abaixo ilustra o wet spinning. Nele podemos ver as fibras sendo formadas e em seguida bobinadas. Além disso, no vídeo aparece o polímero dissolvido. Vale ressaltar que o material em uso não é o acrílico, mas o processo é o mesmo.

Aqui no blog já falamos um pouco sobre a engenharia na indústria têxtil e sobre uma matéria-prima inusitada para fabricar roupas, não deixe de conferir!

 

Referência:

FROM FIBER TO FABRIC: ACRYLIC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *